Catequese da Catedral realiza Via-Sacra Encenada

via-sacra-catequeticaNa Quarta-feira Santa, 13 de abril, a Catequese da Catedral realizou uma Via-Sacra encenada logo após a missa das 19h. Centenas de fiéis puderam refletir as estações da Via crucis e reviver o momento da Paixão de Cristo. O arcebispo metropolitano de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira, participou deste momento emocionante que marcou a Semana Santa na Catedral.

A crucificação de Jesus aconteceu na frente do altar-mor da Catedral, ao lado dos dois ladrões. Ao final, Dom Gil parabenizou todas as pessoas responsáveis pela produção e organização da encenação e destacou que não foi apenas um teatro, mas uma vivência profunda da via dolorosa.

Em entrevista Dom Gil destacou a importância desta meditação. “Terminamos de acompanhar a Via-Sacra encenada pelos meninos da Catequese, sobre a coordenação da Luzia Helena. Uma encenação muito bem feita, bonita e piedosa que ajudou a comunidade e a todos nós rezarmos e meditarmos os passos de Cristo da sua morte até a sua Ressurreição. A Via-Sacra é esse exercício espiritual que nós já temos desde o tempo de São Francisco, no século XIII, dividindo a Paixão de Cristo em 14 quadros meditativos e, por fim, nós ainda acrescentamos mais o último quadro que é a Ressurreição, uma maneira do povo poder meditar e visualizar aquilo que está escrito nas Sagradas Escrituras”, explicou o arcebispo.

A coordenadora da Catequese da Catedral e principal organizadora da Via-Sacra, Luzia Helena Vale Fonseca, contou sobre essa vivência de refletir sobre os passos de Jesus. “Foi bom e, ao mesmo tempo, doído porque nesta experiência a gente consegue imaginar um pouquinho como que Ele sofreu. Aqui eles [catequizandos] vivenciaram a prática do que é passado em sala para eles, mas a gente já realiza essa Catequese em ação, que foge daquelas quatro paredes da sala e vai para o dia a dia da vida. E agora nesse momento tão importante da nossa Igreja foi uma das missões que a gente recebeu e se dedicou mais pela grandiosidade”.

A estudante, Anabel Vale Fonseca, falou sobre como foi representar Nossa Senhora na encenação. “Foi uma experiência única, desde os ensaios até aqui, acho que na hora que a gente vestiu a roupa e entrou na igreja caiu a ficha. Mas desde os ensaios estava sendo muito interessante, não só interpretar, mas também aprender com mais detalhes como foi e também dá aquela emoção, na hora que estava vendo Jesus ser crucificado eu fiquei extasiada”, completou.

Confira mais fotos da Via-Sacra Catequética em nosso Facebook.

Encontro entre imagens do Senhor dos Passos e Nossa Senhora emociona fiéis na Catedral

procissao encontroA Procissão do Encontro é, sem dúvidas, uma das celebrações mais emocionantes da Semana Santa. Ano após ano, os fiéis têm a oportunidade de presenciar, neste dia, o encontro doloroso entre Maria e seu Filho, Jesus, no caminho do Calvário.

E, em 2022, foi mais especial ainda, pois os fiéis conseguiram participar deste momento que não acontecia há dois anos devido à pandemia. Após a celebração presidida pelo arcebispo metropolitano, Dom Gil Antônio Moreira, as imagens de Nossa Senhora das Dores (acompanhada pelas mulheres que estavam presentes) e do Senhor dos Passos (acompanhada pelos homens) seguiram para a frente da Catedral Metropolitana, onde, o padre José Elissandro Santos de Santana, sss, proclamou o Sermão do Encontro.

Em entrevista o arcebispo falou sobre a celebração, que esse ano ainda foi um pouco diferente, devido à pandemia. “Celebramos nesta Terça-feira Santa, mais uma vez a tradicional Procissão do Encontro. O encontro de Jesus com Maria recordando aquele momento dramático da subida do Calvário, diz São João que Maria estava de pé no alto do Calvário diante de Jesus, então em determinado momento houve esse encontro, não se sabe se foi mais no meio ou no fim, mas de fato o encontro existiu”.

Dom Gil ainda trouxe para o nosso cotidiano a vivência deste dia importante. “Tradicionalmente celebramos esse encontro para mostrar que nós queremos encontrar Cristo e que Cristo quer nos encontrar, mas queremos encontrar a Cristo fiéis como Maria foi, sempre de pé, confiantes e esperançosos, suportando as dores sem perder a paciência e o controle. O mundo de hoje tem muitos conflitos, problemas, guerras, brigas políticas, tantas coisas que são desencontros e nós queremos reabilitar-nos para encontrar Jesus nos nossos Calvários para que tenhamos forças para vencer as dificuldades e com Ele celebrar a vitória da Ressurreição”.

O padre José Elissandro que proferiu o Sermão do Encontro destacou a beleza da celebração do encontro. “Foi um momento de dedicação, de encontro com a Palavra de Deus e esses sentimentos que nos trazem toda a memória essa entrega linda do nosso Senhor por cada um de nós. No encontro com Maria, a mulher das Dores e também com a humanidade toda inteira, que sente, que revive, que está junto neste momento, que é essa via dolorosa do amor de Deus por cada um de nós. Ele que se entregou totalmente por nós e que doou-se de modo maravilhoso nos faz reviver esse momento”.

“Eu aqui em Juiz de Fora pela primeira vez me fez perceber o grande amor de Deus por mim que me chama como consagrado e padre religioso, mas também a tantas e tantas pessoas, que por meio do sacramento do batismo são filhas amadas e filhos amados por Deus”, completa sobre sua primeira Semana Santa vivida em nossa cidade, pois foi transferido para Juiz de Fora no início deste ano a partir da instalação da Congregação dos Padres Sacramentinos no Cenáculo São João Evangelista.

Ao final do sermão, Dom Gil deu a bênção final e os fiéis presentes puderam venerar as imagens de Nossa Senhora e do Senhor dos Passos.

Acesse o Facebook da Catedral e confira as fotos.

Padre Luiz Vitório comemora aniversário natalício

Luiz-Carlos-VitórioNeste sábado, 16 de abril, nosso vigário paroquial, padre Luiz Vitório, comemora seu aniversário natalício. Padre Luiz Vitório é natural de Aracitaba - MG e foi ordenado sacerdote no dia 08 de dezembro de 2007, seu lema de ordenação é: “Te conheci, Te Consagrei, te envio” (Jeremias 1,4-9).

Já atuou nas paróquias: Nossa Senhora de Fátima (Santa Cruz - Juiz de Fora - MG), São Francisco de Paula (Distrito de Torreões - Juiz de Fora - MG), São Pedro (Juiz de Fora - MG), Santo Antônio (Passa Vinte - MG), Nossa Senhora da Conceição (Benfica - Juiz de Fora - MG), Santa Teresinha (Juiz de Fora – MG) e atualmente está em nossa Paróquia Santo Antônio (Catedral de Juiz de Fora - MG).

Desejamos que Deus continue derramando bênçãos sobre a vida do padre Luiz Vitório e que a missão de discípulo missionário na construção do Reino seja sempre iluminada pela luz do Espírito Santo. Parabéns!

Leia mais

NEWSLETTER
Cadastre-se e receba as novidades da Catedral.
  1. Facebook
  2. Twitter
  3. Instagram
  4. Video